Realizada nesta sexta-feira (29), a cerimônia de entrega de diplomas coroou o esforço dos alunos da quinta turma da Certificação Internacional Aviation Management. Promovida pelo SEST SENAT e coordenada pelo ITL (Instituto de Transporte e Logística), a formação oferece aos gestores do setor aéreo um programa de altíssimo nível, ministrado pela consagrada Embry-Riddle Aeronautical University. A solenidade ocorreu no campus da instituição em Daytona Beach, nos EUA, e contou com a presença de convidados especiais.

Na ocasião, o presidente da CNT, Vander Costa, dirigiu aos formandos palavras de reconhecimento e incentivo. “Essa certificação confere um grande diferencial competitivo para cada aluno. O curso vem transformando a educação e a gestão do setor aéreo do Brasil, capacitando os profissionais com ferramentas específicas para operações aéreas. A parceria com a Embry-Riddle tem nos possibilitado conhecer o que existe de mais inovador na área. Isso é fundamental para assegurar o futuro sustentável do setor. E estou certo de que essa turma aportará conhecimento para apoiar as mudanças e as transformações necessárias”, ressaltou.

Eduardo Sanovicz, presidente da Abear (Associação Brasileira de Empresas Aéreas), evidenciou o momento de relativo otimismo, após a dura provação da pandemia de covid-19. “Tive o privilégio de participar da idealização desse programa e, cada vez que uma turma se forma, vejo que cada minuto do nosso esforço valeu a pena. Cada um de vocês tem uma história própria, mas um dos objetivos da certificação é, justamente, criar uma cultura da aviação e, assim, preparar a geração para a qual passaremos o bastão. Com vocês, sei que temos profissionais prontos para entregar novas soluções e apontar os caminhos da aviação para os próximos 20 anos”, elogiou.

Em sua fala, a diretora adjunta do ITL, Eliana Costa, cumprimentou “a melhor turma 5 de todos os tempos” pela resiliência demonstrada ao longo de mais de oito meses de trabalho. “Vocês, que começaram durante uma pandemia, agora encerram as atividades, com mostras de força e perseverança para enfrentar desafios. É disso que o setor precisa. Quero, portanto, deixar uma palavra de otimismo. Só a educação fará o nosso país ser cada vez melhor. Com todo esse cabedal adquirido, mudem suas empresas e deixem um legado”, encorajou.

Jason Ward, vice-presidente de Pessoas e Clientes da Azul Linhas Aéreas, também reconheceu o esforço dos egressos. “Sei que esse programa não é fácil e exige muito comprometimento. Vocês aprenderam com os melhores dos melhores e, verdadeiramente, compreenderam os seus lugares nessa indústria. Agora, voltam aos seus times. O que levarão para as suas companhias? Essa é uma pergunta que vocês devem se fazer e chegar às próprias conclusões. Talvez tenhamos tempos ainda mais desafiadores pela frente. Vamos escrever esses capítulos juntos”, convidou.

Jerome Cadier, CEO da Latam Airlines Brasil, sintetizou sua mensagem em três tópicos. “O primeiro é que vocês estão fazendo algo que precisa ser feito a vida inteira, que é buscar desenvolvimento constantemente. O segundo ponto é que, apesar da concorrência ferrenha, a gente mantém uma relação de respeito e confiança entre nós. Não é porque competimos que somos inimigos. O terceiro aspecto tem a ver com o atual momento. Essa foi a primeira turma virtual e o curso de vocês foi diferente dos anteriores. O futuro do setor também será diferente, e não apenas em razão do impacto da revolução tecnológica”, mencionou. “Estou seguro que a preparação que vocês tiveram os ajudará a desenhar soluções para a indústria que está nascendo”, acrescentou. 

Já Paulo Kakinoff, presidente da Gol Linhas Aéreas, exaltou a paixão pela aviação como um componente que não pode faltar às jovens lideranças. “Em um momento como este, em que celebramos a aquisição de conhecimento, esse fascínio é particularmente especial. A indústria aeroespacial congrega praticamente todo o conhecimento do qual dispomos. Vocês aproveitaram a oportunidade de estar em uma instituição absolutamente qualificada e, consequentemente, tornaram-se profissionais ainda melhores. Portanto, levam adiante essa missão. O presente grupo irá, ao longo das próximas décadas, continuar o êxito dessa indústria que muito nos orgulha”, concluiu.

CNT - Confederação Nacional do Transporte

SAUS Q.1 - Bloco J - Entradas 10 e 20
Ed. Clésio Andrade - CEP: 70070-944 - Brasília - DF
Fale Conosco: (61) 2196 5700

©2021 - Confederação Nacional do Transporte