A Fenatran de 2022 mostra a que veio. Palco de grandes lançamentos dos mais variados segmentos de transporte, o Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Carga reúne, ao longo desta semana, em São Paulo (SP), grandes players do mercado, além de entidades de peso que atuam para o desenvolvimento do setor. É o caso do Sistema CNT que apresentou aos empresários e ao público especializado a Unidade Móvel de Treinamento – Módulo Simulador, iniciativa que usa tecnologia de última geração para qualificar ainda mais profissionais de transporte no que se refere a segurança viária, direção segura e defensiva.

Resultado de uma parceria entre o SEST SENAT e a Mercedes-Benz, o projeto consiste na adaptação de um simulador de direção em um ônibus da montadora, o que possibilita aprimorar o conhecimento e a especialização de motoristas de ônibus e caminhões onde quer que eles estejam. A novidade é uma importante ferramenta disponibilizada a esses profissionais, que poderão se qualificar em locais onde costumam estar, como nas dependências das empresas onde trabalham, em pontos de parada e nas garagens.

Por seguir os princípios do ecossistema do transporte responsável e os pilares ESG, o mais novo lançamento do SEST SENAT e da Mercedes-Benz foi bem recebido na Fenatran. O espaço lotou de participantes da feira, que puderam vivenciar os desafios reais enfrentados pelos motoristas profissionais nas rodovias brasileiras. É que o simulador reproduz a experiência da condução de vários tipos de caminhões e de ônibus, de modo a permitir que o aluno vivencie situações típicas do trânsito, como condições meteorológicas adversas, tráfego intenso e perigos na vias. 

O motorista profissional Edson Santos, da Viação Cometa, aprovou a iniciativa. “Nós, que estamos no dia a dia da vida rodoviária, não temos tempo. Com esse simulador se deslocando de um ponto a outro, ficará muito mais fácil para a gente se capacitar. E isso é muito importante, principalmente, para quem está começando na profissão.  Vivenciar os riscos das estradas, sem estar, de fato, em risco é uma estratégia inteligente. Assim, o motorista pode treinar as reações que precisa ter”, comentou.

Qualificação com imersão

Na Fenatran e em outros eventos com a Unidade Móvel, os motoristas participarão de uma imersão com duração máxima de cinco minutos por motorista, com exercício predefinido para caminhão extrapesado em cenários on-road e off-road, com dificuldade média. Nas empresas, o formato e os tempos de simulação poderão variar de acordo com as estruturas e a demanda.

Além de os motoristas de carga e de passageiros contarem com o simulador para ajudarem-nos no uso pleno dos recursos tecnológicos, será oferecida uma sessão teórica com apoio de um instrutor, que vai reforçar os conceitos de direção segura e econômica, comportamentos assertivos na condução do veículo e tecnologias para a segurança no transporte.
O ônibus da Mercedes-Benz ganhou, além do simulador, uma ambientação interna com postos para o motorista, o instrutor e o observador (sala na qual os alunos acompanham, por meio de uma TV, as simulações de outros participantes). O espaço possibilita receber até seis pessoas por vez. 

Mais capacitação profissional

Para a diretora executiva nacional do SEST SENAT, Nicole Goulart, a Unidade Móvel de Treinamento – Módulo Simulador agrega ainda mais valor aos serviços oferecidos pela instituição, ampliando os atendimentos prestados por mais 140 unidades operacionais do SEST SENAT, que também contam com simuladores de direção. “Temos um compromisso com o desenvolvimento profissional dos motoristas. Poder contribuir para que ele se torne cada vez mais capacitado é um dos focos do nosso trabalho. Além disso, o ônibus facilita o acesso dos trabalhadores ao simulador e permite que mais motoristas possam participar dos treinamentos”, afirmou.

O vice-presidente de Vendas e Marketing de Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil, Roberto Leoncini, conta que, em eventos como o Dia do Cliente e o Customer Focus Day, realizado nas fábricas da empresa, é dito que os   veículos da Mercedes-Benz têm alto nível tecnológico. No entanto, segundo ele, falta capacitação para os motoristas compreenderem esses benefícios e, assim, estarem preparados para usarem todo o potencial da transformação digital em prol da melhoria da performance na condução. “Pensando no cliente do meu cliente, que são os motoristas, queremos contribuir para a capacitação dos profissionais das estradas de forma ainda mais direta e didática, utilizando toda a tecnologia disponível, como fizemos com esse simulador”, disse.

CNT - Confederação Nacional do Transporte

SAUS Q.1 - Bloco J - Entradas 10 e 20
Ed. Clésio Andrade - CEP: 70070-944 - Brasília - DF
Fale Conosco: (61) 2196 5700

©2021 - Confederação Nacional do Transporte